quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Chico da Matilde- O Dragão do Mar- Fátima Teles



CHICO DA MATILDE -O DRAGÃO DO MAR

            Francisco José do Nascimento, o Chico da Matilde, homem simples,pescador,foi o responsável pela abolição da escravatura no Ceará.
            Nasceu filho de pescador e rendeira, ficou órfão de pai ainda na infância,pois, seu pai foi trabalhar nos seringais da Amazônia e morreu por lá.Sua mãe o criou sozinha e aquele menino sem estudo ia levando sua vida com responsabilidade, dedicando-se ao trabalho.Imbuído de espírito crítico,ele pautava sua vida com princípios libertadores.
            Enquanto o Sudeste se desenvolvia a ventos fortes, o Nordeste vivia sob os auspícios da seca que assolava todo seu povo , entre a miséria , a fome  e a morte. Os latifundiários, donos das fazendas e que detinham escravos, não puderam mais mantê-los, vendendo-os para o Sudeste do País, diante a seca de 1877/1879, ele, o Chico da Matilde tomou de ímpeto a decisão de bloquear o embarque e o desembarque de navios no Porto do Ceará, com a célebre frase: “No Ceará não se embarcam  mais escravos”.
            Em 1884, quatro anos antes do Brasil abolir a escravatura, o Ceará, através da figura de Francisco José do Nascimento, o Dragão do Mar, aboliu os cravos, sendo conhecida como a Terra da Luz.
            Ele, o Chico da Matilde foi perseguido por causa da sua luta contra a escravidão, vindo a perder seu cargo de prático, profissional que atraca os navios no porto e era muito bem remunerado,mas preferiu seguir sua ideologia de liberdade e com isso ficou conhecido como o maior abolicionista do Ceará, sendo referenciados por José do Patrocínio de todos da época.

A Consciência negra vive na luta de Dragão do Mar!
  Fátima Teles


Fonte : http://www.vermelho.org.br/noticia/253854-1

Um comentário: